O que causa dor no umbigo ou dor umbilical?

O umbigo se forma quando o cordão umbilical é cortado após o nascimento. Também é conhecido como umbigo. Já se perguntou por que meu umbigo dói por dentro? A dor no umbigo pode ser causada por vários motivos, como tocar, usar roupas apertadas ou algumas posturas corporais incorretas.

A dor no umbigo é conhecida como dor no umbigo ou dor umbilical. Você geralmente tende a evitar essa dor porque ela não perturba sua rotina diária.

Mas se a dor persistir por um longo período e causar desconforto severo, pode ser uma indicação de um sério problema de saúde.

Leia também:  Dor lombar esquerda: causas, sintomas e tratamentos naturais

Como é a dor no umbigo?

Dor no umbigo não deve ser uma grande preocupação. Em alguns casos, você pode nem estar ciente da dor subjacente, mas considere-a como uma dor abdominal normal.

Alguns pontos mencionados abaixo irão ajudá-lo a identificar seu umbigo ou dor umbilical.

  • Dor ao redor da área do umbigo – pode ser acima, abaixo ou nas laterais
  • Dor dentro do umbigo
  • O umbigo dói quando tocado ou ao usar roupas apertadas
  • Puxando forte dor no umbigo
  • Alguma secreção escorre do umbigo
  • Você sente a dor junto com pus escorrendo, e cheira
  • A dor permanece por um tempo, ou persiste e não vai embora com repouso
  • A intensidade da dor – é leve ou aguda? A dor aguda o impedirá de realizar atividades normais
  • A dor irradia entre os lados do umbigo
  • Você sente a dor ao se inclinar, se inclinar para a frente ou se alongar.

Os diferentes sintomas de dor no umbigo podem ser causados ​​por várias causas subjacentes. Observe esses sintomas cuidadosamente para ajudar seu médico a diagnosticar a causa facilmente.

O que causa a dor no umbigo?

A dor no umbigo é irritante porque dá uma sensação de pressão indesejada. Embora a dor possa ser de leve a aguda, ela não desaparece mesmo depois de você descansar.

Aqui estão as dez principais causas de dor no umbigo:

1. Cirurgia

Se você passou recentemente por uma cirurgia abdominal, pode sentir dor no umbigo ou umbilical. Pode acompanhar outros sintomas como diarreia ou prisão de ventre.

Consulte Mais informação  Sintomas, causas e tratamentos naturais da infecção por estafilococos

A dor pode ser leve ou aguda. Na maioria dos casos de cirurgia abdominal pós-cirurgia, a dor no umbigo é um sintoma comum. Ele desaparece conforme a área operada é curada.

2. Gravidez

Se você está grávida, é normal sentir dor no umbigo ( 1 ). Durante a gravidez, seu corpo se ajusta para acomodar o bebê em crescimento. A gravidez lhe dará muitas sensações diferentes, uma das quais é a dor no umbigo. Geralmente é leve.

Se o seu umbigo doer muito, procure atendimento médico. Pode ser um sinal de gravidez em Falópio e você deve consultar um médico imediatamente.

3. Úlcera

Úlceras no estômago podem ser a causa da dor no umbigo ( 2 ). Uma úlcera é uma irritação, dilaceração ou erosão da superfície interna do corpo.

O excesso de ácido estomacal causa úlceras estomacais. A irritação da parede do estômago também pode causar hemorragia interna e dor no umbigo. Você pode sentir que a dor agrava ao consumir alimentos picantes ou ácidos.

4. Cálculos biliares

Os cálculos biliares geralmente não são detectados. Você conhecerá os cálculos biliares quando eles causarem dor forte na região abdominal superior, que se irradia lentamente para a região inferior ao redor do umbigo ( 3 ).

A dor ocorre periodicamente, recorrendo em poucos dias ou meses. Junto com a dor no umbigo, você também pode ver outros sintomas como vômitos, náuseas, febre, distensão abdominal e icterícia.

Em casos graves de cálculos biliares, você pode até precisar de intervenção cirúrgica.

5. Hérnia

Uma hérnia refere-se a uma dor descontrolada perto do abdômen esquerdo devido a tecidos ou órgãos rompidos do abdômen. A hérnia também causa evacuações dolorosas, dor escrotal ao urinar, um nódulo visível e sensível e uma sensação de peso no estômago ( 4 ).

A dor ao redor do umbigo aumenta com os movimentos do corpo, como inclinar-se ou dobrar-se para a frente.

6. Cistite

A cistite é um tipo de infecção do trato urinário. Ao contrário de outras infecções do trato urinário, a infecção da cistite pode se espalhar para outras partes do corpo ( 5 ). As principais vítimas são seus rins.

Na cistite, você sente uma dor leve perto da área do umbigo. A cistite progride rapidamente e se espalha para outros órgãos do corpo.

7. Infecções microbianas

Infecções microbianas, principalmente infecções bacterianas no estômago, podem causar dor ao redor do umbigo. Essa dor no umbigo é sentida quando pressionado.

A infecção bacteriana pode fazer o estômago inchar ou ficar dolorido. A dor no umbigo acompanha outros sintomas, como náusea, gripe ou vômito, quando você tem uma infecção microbiana na barriga.

Consulte Mais informação  Os 10 melhores remédios caseiros para mordidas de cachorro

8. Problemas pancreáticos

O pâncreas controla a quantidade de açúcar presente no sangue de acordo com a necessidade de energia do corpo. Os problemas pancreáticos podem incluir sintomas semelhantes a diabetes e náuseas, febre ou dores de cabeça.

Eles também podem causar dor perto da área do umbigo que ocorre esporadicamente ao longo do dia.

9. Desordem do intestino delgado

O intestino delgado está presente no abdome, onde se dobra muitas vezes, centralizando-se ao redor da área do umbigo.

Como o abdome está envolvido nos principais movimentos do corpo, qualquer distúrbio no intestino delgado causará dor de leve a forte. Essa dor pode ocorrer devido a infecções no intestino delgado ou outros problemas graves.

10. Apendicite

A apendicite é uma condição na qual o apêndice inflama. A dor será difícil de localizar, mas será em torno da área do umbigo ( 6 ). A dor então se move para o lado direito inferior da região abdominal.

Se você está sofrendo de apendicite, também pode ter indigestão, constipação, perda de apetite, náuseas, febre e vômitos.

A dor aumenta se você andar ou tossir. A apendicite pode ser fatal e você não deve ignorar seus sintomas.

Devido a essas causas de saúde profundamente enraizadas, a dor no umbigo não deve ser ignorada. O diagnóstico correto da causa da dor no umbigo pode ajudar o médico a administrar os tratamentos médicos adequados.

Opções de tratamento para dor no umbigo

O tratamento para a dor no umbigo ou dor umbilical depende exclusivamente da causa subjacente. Se você diagnosticou corretamente a causa de sua dor umbilical com a ajuda do médico, serão prescritos medicamentos, mudanças na dieta e, em alguns casos, cirurgia.

A seguir são discutidos alguns tratamentos recomendados para dores no umbigo.

1. Cirurgia

Se a dor no umbigo é causada por cirurgia abdominal, ela desaparece à medida que o corpo se recupera. Consulte seu médico se a dor persistir por muito tempo.

2. Gravidez

Na maioria dos casos de gravidez, a dor no umbigo é causada pelos ajustes do seu corpo para o bebê em crescimento.

Se a dor for forte, ela requer atenção médica imediata, pois pode ser um sinal de algo sério, como uma ameaça ao bebê ou gravidez de falópio.

3. Úlcera

Como a dor agrava com a ingestão de alimentos específicos, seu médico irá sugerir mudanças na dieta e no estilo de vida.

Em sintomas graves, os medicamentos ajudam a substituir e curar o revestimento interno do estômago inflamado.

4. Cálculos biliares

Nos sintomas leves de cálculos biliares, mudanças na dieta, como evitar alimentos gordurosos e consumir líquidos frescos, podem ajudar.

Consulte Mais informação  Niacinamida para acne: benefícios, como usá-la, efeitos colaterais e muito mais

Medicamentos como analgésicos podem aliviar a dor. Em casos graves, pode ser necessário submeter-se a uma intervenção cirúrgica.

5. Hérnia

Em casos leves de hérnia, pode ser solicitado que você aplique uma bolsa de gelo para obter alívio da dor e suprimir o inchaço.

Seu médico pode prescrever AINEs (antiinflamatórios não esteróides) e opioides (analgésicos). Na dor intensa, tratamentos cirúrgicos como laparoscopia ou cirurgia exploratória aberta são úteis.

A cirurgia pode ajudar o médico a examinar os tecidos ou órgãos afetados por hérnia e realizar a intervenção cirúrgica posterior.

6. Cistite

Se você for diagnosticado com cistite, os antibióticos ajudarão a limpar a infecção e evitar que ela se espalhe para outras partes do corpo.

Alguns remédios naturais eficazes para a cistite incluem:

  • Evite açúcar
  • Beba suco de cranberry
  • Coma alimentos ricos em vitamina A e C
  • Beber grande quantidade de líquidos

7. Infecções microbianas

As infecções no estômago são tratadas com antibióticos apropriados para tratar a infecção. Se você tiver infecção externa da pele ao redor do umbigo, a aplicação tópica de creme antibiótico pode ajudar.

Os medicamentos antibacterianos com propriedades antifúngicas, antibacterianas ou antivirais podem ser prescritos após a identificação do agente infeccioso.

8. Problemas pancreáticos

Se um diabético sentir uma dor esporádica no umbigo, consulte o médico para determinar a presença de outros problemas pancreáticos.

9. Desordem do intestino delgado

Dor no umbigo devido a infecção microbiana no intestino delgado é tratada com antibióticos. Em algumas condições graves, a intervenção cirúrgica é necessária.

10. Apendicite

As infecções leves do apêndice são tratadas com antibióticos junto com analgésicos para aliviar a dor no umbigo. No caso de apendicite grave, a laparoscopia é realizada para remover hérnia rompida ou com infecção grave.

Além dos tratamentos médicos mencionados acima, evitar o consumo de alimentos que desencadeiem a dor ou piorem os sintomas é o melhor remédio caseiro.

Se movimentos como flexão, alongamento e exercícios vigorosos causam dor, é melhor evitá-los. Consulte seu médico em caso de confusão ou sintomas graves.

Quando procurar ajuda médica?

Você não deve ignorar a dor no umbigo ou umbilical e esperar que desapareça com o tempo. A dor pode diminuir com o tempo, mas em alguns casos também pode ficar intensa.

Se você sentir uma dor persistente ou esporádica por mais de três dias e piorar com o tempo, você deve entrar em contato com o seu médico.

Uma dor leve ignorada pode levar a consequências graves para a saúde que, de outra forma, podem ser evitadas por atenção médica em estágios iniciais.

Observe os outros sintomas que você experimenta junto com a dor e consulte o seu médico para evitar complicações.

  • Leave Comments