Como se livrar da raiva

O que é raiva?

Como todas as emoções, todos experimentam raiva também. A raiva é uma reação completamente normal e saudável a certas situações da vida cotidiana. A raiva é geralmente expressa como um mecanismo de proteção ao medo, à tristeza e às condições dolorosas. Mas a raiva descontrolada tem consequências graves. Uma pessoa com raiva intensa responde agressivamente. A raiva descontrolada cria problemas nos relacionamentos, no trabalho, na saúde e em muitos outros aspectos da vida. O estado de raiva varia de leve irritação a intensa raiva e fúria. A raiva é acompanhada por aumento da frequência cardíaca, pressão alta e aumento dos níveis dos hormônios adrenalina e noradrenalina. Então, quando uma pessoa está com raiva, o impacto é tanto sobre aquele que está sentindo raiva quanto aquele que é o responsável pela situação. Com a frequência e gravidade da raiva, saúde se deteriora.

É definitivamente importante expressar a raiva, pois a raiva não expressa leva a outros problemas. Mas a raiva não é uma emoção que deve ser liberada apenas de maneira agressiva. Desabafar a raiva de maneira assertiva é a melhor maneira de gerenciar consequências indesejadas. Pode-se comunicar suas emoções sem ser fisicamente ou verbalmente abusivo.

Consequências de uma raiva intensa e incontrolável

Quando ficamos com raiva, fica difícil pensar nas consequências e reagir. Problemas com raiva podem levar a distúrbios físicos, mentais e emocionais.

Saúde física: a raiva eleva os níveis de estresse, torna a pessoa suscetível a doenças cardíacas, diabetes, pressão alta, insônia e enfraquece o sistema imunológico.

Saúde mental: a raiva causa estresse, depressão, ansiedade e outros problemas de saúde mental.

Relacionamento: A raiva explosiva causa distúrbios no relacionamento. Se a raiva não for controlada, as situações tornam-se desagradáveis ​​entre amigos, família e outras pessoas próximas.

Consulte Mais informação  Soros de ácido hialurônico: como escolher o melhor para o seu tipo de pele

Desempenho no trabalho: Com a raiva fora de controle, pode-se ficar alienado de colegas, supervisores ou clientes.

Eu preciso de gerenciamento de raiva?

Se uma pessoa encontra as seguintes qualidades nela, é um sinal de que ela precisa controlar a raiva.

  • Abusar fisicamente de outras pessoas
  • Abusar verbalmente de outras pessoas
  • Quebrando coisas
  • Perdendo controle
  • Terminando relacionamentos constantemente
  • Criando problemas no trabalho
  • Prejudicando a si mesmo
  • Pensamento negativo
Tipos de raiva

A raiva é categorizada principalmente em três tipos: raiva agressiva , raiva passiva e raiva assertiva

Raiva passiva : Na raiva passiva, o modo de comunicação é indireto. Pessoas passivamente zangadas tendem a ignorar a pessoa que as deixou zangadas, evitam o contato visual ou transmitem seus sentimentos sarcasticamente. Não é surpreendente, mesmo que espalhem alguns boatos sobre essa pessoa. Isolar-se dos amigos, procrastinação e mau humor também podem ser observados na raiva passiva. Embora as pessoas com esse tipo de raiva pareçam calmas por fora, elas experimentam ansiedade e turbulência.

Raiva agressiva : a raiva agressiva é uma explosão de emoções negativas. É expressa diretamente por meio de abuso físico ou verbal. Pessoas com raiva agressiva tendem a bater ou gritar com a pessoa responsável por essa reação. Esse tipo de raiva causa danos aos relacionamentos.

Raiva assertiva : a raiva assertiva é sempre uma maneira saudável de exibir raiva. Pessoas com raiva assertiva tendem a comunicar a razão por trás de suas emoções e tentam resolver a situação que a induz à raiva com paciência. Nesse tipo de raiva, não há margem para mal-entendidos e desrespeito, e mais importante, não há dano causado ao relacionamento deles. A raiva controlada sempre desenvolve e nutre relacionamentos.

A raiva, entretanto, não se restringe aos tipos mencionados. Existem muitas outras formas em que a raiva pode assumir, como raiva de julgamento, raiva opressora, raiva retaliatória, raiva auto-abusiva, raiva volátil e assim por diante.

Consulte Mais informação  Dor de garganta: tipos, causas, sintomas e tratamentos
Dicas de controle natural da raiva

O que pode ser feito para controlar a raiva?

Você não precisa fazer nada complicado para controlar sua raiva. Além disso, o controle da raiva não consiste em eliminá-la completamente, mas sim em controlar a raiva de maneira construtiva.

Lembre-se de não se comunicar quando estiver com raiva ou chateado. É importante que você primeiro se acalme. Pode-se tentar as seguintes técnicas de relaxamento para se acalmar.

Pratique alguma atividade física – A atividade física, como caminhar ou se exercitar, ajuda a liberar o estresse e a frustração.

Ouça música – a música regula a tristeza e aumenta as emoções positivas. É uma das maneiras comuns de controlar a raiva.

Respire fundo – respirar lenta e profundamente é a chave para neutralizar a raiva crescente

Faça algo de que goste – Fazer algo de que goste, como pintar, nadar, ler um livro ou jogar alguns jogos, ajuda a relaxar.

Fale sobre como você está se sentindo com uma pessoa em quem você confia – Falar com alguém em quem você confia pode lhe dar algum alívio e ajudá-lo a lidar melhor com a situação.

Escreva sobre como você está se sentindo e entenda o que está causando sua raiva – Às vezes, escrever pode ajudá-lo a entender as coisas de uma perspectiva diferente e reagir de acordo.

A raiva costuma ser um encobrimento de outras emoções, como frustração, constrangimento, vergonha e mágoa. É muito importante entender o que evocou essa emoção em você. Se você trabalhar primeiro para entender o motivo e lidar com ele, isso não causará nenhum dano ao seu relacionamento com a família e amigos e ao desempenho no trabalho.

Mude o seu ambiente – Afastar-se do local de conflito ajuda você a ter uma perspectiva da situação, entender as coisas com clareza e se acalmar.

Consulte Mais informação  Como prevenir acne, espinhas e cicatrizes de acne: dicas, tratamentos e muito mais

Evite argumentos – sempre tente evitar argumentos. Deve-se sempre priorizar o relacionamento ao invés de vencer a discussão. No calor da discussão, você pode acabar magoando outras pessoas.

É necessário aconselhamento?

Apesar de tentar todas as dicas fornecidas para controlar a raiva, se você ainda está furioso de raiva, precisa de apoio adicional. Existem muitos programas, aulas e terapias para o controle da raiva. Não se sinta tímido em procurar ajuda, pois identificar os motivos de sua raiva e lidar com eles é mais importante para manter um bom relacionamento com as pessoas ao seu redor. Nas aulas de controle da raiva, você até encontra outras pessoas tentando lutar contra o mesmo problema. Você pode ouvir histórias diferentes, perspectivas diferentes e técnicas diferentes para lidar com suas emoções. É aconselhável procurar um psicólogo ou profissional de saúde mental para aconselhamento sobre como lidar melhor com isso. Eles podem trabalhar de perto com você e ajudá-lo a mudar seu comportamento e sua maneira de pensar.

Obtenha mais detalhes sobre como se livrar do trevo naturalmente

Conclusão

A vida é uma mistura de todas as emoções. A raiva excessiva só pode deixar uma pessoa infeliz. A raiva não pode ser eliminada, mas pode ser controlada e usada construtivamente. Aquele que consegue vencer suas reações raivosas sempre terá uma vida feliz. Uma pessoa pode resolver o conflito apenas se estiver disposta a perdoar a outra pessoa. Lembre-se de que o perdão está próximo da piedade.

  • Leave Comments